O que é neuroblastoma?


>




O neuroblastoma é um câncer infanil comum que cresce em partes do sistema nervoso.

O neuroblastoma pode ocorrer em um determinado tipo de tecido nervoso em qualquer parte do corpo. Habitualmente, o neuroblastoma origina-se nos nervos do tórax ou do abdômen, mais comumente nas glândulas adrenais (localizadas sobre cada rim). Muito raramente, um neuroblastoma origina-se no cérebro.

Aproximadamente 75% dos neuroblastomas ocorrem em crianças com menos de 5 anos de idade. Embora a sua causa seja desconhecida, este câncer apresenta algumas vezes um caráter familiar.

Sintomas e Diagnóstico

Os sintomas dependem do local de origem do neuroblastoma e a magnitude da sua disseminação. Em muitas crianças, os sintomas iniciais incluem um abdômen distendido, uma sensação de plenitude e dor abdominal. Os sintomas também podem estar relacionados à disseminação do tumor. Por exemplo, o câncer que produziu metástases ósseas causa dor. O câncer que invade a medula óssea pode reduzir o número de eritrócitos (glóbulos vermelhos), causando anemia; o número de plaquetas, causando equimoses; ou o número de leucócitos, reduzindo a resistência às infecção. O câncer pode disseminar-se para a pele, onde ele produz nódulos, ou para a medula espinhal, onde pode causar fraqueza dos membros superiores ou inferiores. Aproximadamente 90% dos neuroblastomas produzem hormônios (p.ex., epinefrina [adrenalina]), podendo acarretar aumento da freqüência cardíaca e ansiedade.

O diagnóstico precoce de um neuroblastoma não é fácil. Quando o câncer cresceu o suficiente, o médico pode palpar uma massa no abdômen. Ao suspeitar de um neuroblastoma, o médico pode solicitar uma ultra-sonografia, uma tomografia computadorizada (TC), ou uma ressonância magnética (RM) do tórax e do abdômen. Pode ser realizado um exame de urina, para se verificar a existência de uma produção excessiva de hormônios similares à adrenalina [epinefrina]. Quando houve disseminação do câncer, o médico pode observar indícios radiográficos ou ao exame microscópico de amostras de tecidos (fígado, pulmão, pele, medula óssea ou osso) coletados.
Prognóstico e Tratamento


O prognóstico das crianças com neuroblastoma depende da idade da criança, do tamanho do tumor e dele ter produzido metástase ou não. As crianças com menos de 1 ano de idade e as com tumores pequenos têm um prognóstico muito bom. O tratamento precoce oferece a melhor esperança de cura. Quando não houve disseminação do câncer, ele geralmente pode ser removido cirurgicamente. Quando ele é grande ou já produziu metástases, medicamentos antineoplásicos (p.ex., vincristina, ciclofosfamida, doxorrubicina e cisplatina) podem ser utilizados, assim como a radioterapia. Nas crianças maiores, a porcentagem de cura é baixa para o câncer que produziu metástases (que se disseminou).
O que é neuroblastoma? O que é neuroblastoma? Revisado by Faça Fisioterapia on 05:41 Nota: 5