Atenção, mamães e papais. Toda criança que reclama de dores na coluna precisa passar pelo médico. Nessa fase, os pequenos têm energia para ...

Dor na coluna em criança








Atenção, mamães e papais. Toda criança que reclama de dores na coluna precisa passar pelo médico. Nessa fase, os pequenos têm energia para fazer as maiores estripulias e seus corpos se adaptam, sem maiores danos, à rotina de correr, pular, saltar, brincar. A dor é um aviso de que algo não está no lugar certo.

É sempre bom ficar de olho na curvatura da espinha. A coluna tem curvas absolutamente naturais: um arco para dentro na lombar e na cervical, além de um arco para fora na região do tórax. Os problemas aparecem quando essa forma normal se torna exagerada. Ou então se houver uma rotação da coluna em seu próprio eixo é a chamada escoliose.

Um simples teste

Se suspeitar de alguma alteração, faça o seguinte: fique atrás da criança e peça para ela descer o tronco com os braços e os joelhos esticados em direção ao chão. Observe se um lado do tronco está mais alto que o outro. Nesse caso, existe o risco de problema postural. Procure um especialista para orientá-lo sobre o que fazer para minimizar as conseqüências na idade adulta.


Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter



Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

O Único clube exclusivo de educação continuada em Fisioterapia Intensiva e Hospitalar do Brasil. Domine os conceitos fundamentais e avançados da fisioterapia intensiva e hospitalar, na velocidade de sua necessidade mesmo que não saiba por onde começar. Clique aqui

Poste um Comentário

Faça Fisioterapia